MARCELO SUARTZ É PRATA NO PAN LIMA 2019

By
Updated: julho 30, 2019

O brasileiro Marcelo Suartz ganhou mais uma medalha no Pan Lima 2019, nas semifinais disputadas na manhã e tarde desta terça-feira.

Foi a terceira medalha de Marcelo, que já havia conquistado o único Ouro do boliche no Pan (Toronto, 2015) e o Bronze (Guadalajara, 2011).

As finais começaram hoje as 17h (horário no Peru) – 19h (horário no Brasil):

No Jogo 1, Nicholas Pate (Estados Unidos) ganhou do conterrâneo Jakob Butturff por 275 a 268. Jakob ficou com o Bronze.

No Jogo 2, o brasileiro Marcelo Suartz ganhou do porto-riquenho Jean Perez por 234 a 213. Jean ficou com o Bronze.

Na finalíssima Marcelo teve a grande chance do Ouro no fechamento, pois Nicholas Pate errou o fechamento dele e bateu 190.

Eram duas chances para o brasileiro, a primeira era fazer strike no frame 10, mas abriu de 8 pinos. Então precisava fechar o spare e derrubar 9 pinos no último lançamento.

Marcelo fechou o spare mas no último lançamento derrubou apenas 7 pinos e perdeu por 1 de diferença, foi 190 a 189.

Nicholas Pate ficou com o Ouro e Marcelo Suartz com uma honrosa Prata, completando o seu pódio particular, já que ganhou antes o Ouro e Bronze antes.

Vejam o derradeiro lançamento de Marcelo…

Fotos: colaboração de Karla Redig.

Time Brasil comemorando a terceira medalha do Marcelo Suartz e a quarta do boliche brasileiro.
Marcelo Suartz (Prata) e Guy Igliori (Presidente da Confederação Boliche Brasil)
O pódio Individual masculino: (e-d) Marcelo Suartz, Prata (Brasil), Nicholas Pate, Ouro (Estados Unidos), Jean Perez, Bronze (Porto Rico), Jakob Butturff, Bronze (Estados Unidos). Foto por Washington Alves/COB

Como foi o Round Robin masculino

Após o encerramento do Round-Robin, onde todos os oito finalistas jogam contra todos. Marcelo ficou na vice-liderança.

No boliche brasileiro será a quarta medalha em Jogos Pan-Americanos, pois a primeira delas foi a Prata no Pan Rio 2007, com a dupla Rodrigo Hermes & Fábio Rezende.

É a quarta edição seguida dos Jogos Pan Americanos que o Boliche consegue trazer medalha para o Brasil (2007, 2011, 2015 e 2019).

Será apenas uma partida, quem ganhar vai disputar o Ouro e a Prata e quem perder ficará com o Bronze.

No vídeo abaixo veja o depoimento emocionado e sem censura do Marcelo, logo após se classificar para as finais.

Os Jogos Pan-Americanos

A 18.ª edição dos Jogos Pan-Americanos começou oficialmente na sexta-feira, 26 de julho, e vai até o dia 11 de agosto.

As disputas do Boliche serão de 24 a 30 de julho.

A sede dos Jogos Pan-Americanos de 2019 é Lima, capital do Peru, que recebe a competição pela primeira vez.

Esse grande evento esportivo é realizado desde 1951 e reúne todos os países das Américas.

Em 2019, 6.680 atletas de 41 países disputam 61 modalidades esportivas, 22 delas classificatórias para a Olimpíada de Tóquio, no ano que vem.

A participação masculina brasileira no boliche do Pan Lima 2019 contou com os dois melhores jogadores da atualidade: Marcelo Suartz, medalha de Ouro no Pan 2015 e Bruno Costa, atual campeão nacional.

O Pan Lima na modalidade Boliche teve duas fases com distribuição de medalhas: Duplas e Individual.

Marcelo Suartz, o Ouro no Pan 2015

O paulistano Marcelo Suartz, nasceu no dia 24 de setembro em 1987, é destro e tem 1,74m de altura.

Atualmente está filiado à Federação do Rio de Janeiro, onde joga pelo Clube Vasco da Gama.

(foto acima, por Rudy Trindade) Marcelo Suartz no approach, prestes a sacar.

Dentre suas principais conquistas, destaca-se a Medalha de Ouro nos Jogos Pan-Americanos que conquistou de 2015 em Toronto, no Canadá.

(foto acima, do arquivo pessoal) Marcelo Suartz comemorando o primeiro Ouro do Boliche no Pan Toronto 2015
(foto do arquivo pessoal) Marcelo e sua primeira medalha pan-americana:
Bronze no Pan Guadalajara 2011

É o único brasileiro com duas partidas perfeitas nos Estados Unidos homologadas pelo USBC (United States Bowling Congress), a entidade máxima do boliche norte-americano, em 2007 e 2017.

Chama-se Partida Perfeita quando um jogador consegue fazer uma linha completa com 12 strikes. atingindo o máximo possível de pontos numa só partida, ou seja 300 pontos.

No registro brasileiro de partidas perfeitas Marcelo tem mais dois 300 homologados, em 2016 (na Eliminatórias Brasileiras) e 2012 (no Ibero-Americano).

Clique aqui e confira os Recordes Brasileiros homologados.

Marcelo também foi Campeão Interamericano PABCON 2012 e
Campeão dos Jogos Sul-Americanos ODESUR 2014.

Conseguiu se classificar em três edições da Copa Mundial QubicaAMF, conquistando a melhor posição de um brasileiro por duas vezes.

No ano passado, na 54.ª edição da Copa Mundial, realizada em Las Vegas, nos Estados Unidos, foi o 7.º lugar com 214,57 de média.

Em 2010 na 46.ª edição da Copa Mundial, realizada em Toulon, na França, foi o 40.º com 197,10 de média.

Na sua primeira participação em Copa Mundial QubicaAMF, em 2007 na 43.ª edição realizada em São Petersburgo, na Rússia, foi o 7.º colocado com 217,68 de média, a melhor classificação e média do Brasil até hoje.

Também foi o 5.º lugar no Campeonato Mundial Individual da WTBA (World Ten Pin Bowling Association) em 2016.

Fez faculdade nos Estados Unidos, onde conquistou o Campeonato Americano Universitário em 2012, pela Webber University.

Foi eleito o melhor jogador universitário norte-americano em 2011.

É tricampeão Brasileiro Individual Adulto, em 2017, 2016 e 2014, e igualmente tricampeão Brasileiro Individual Juvenil.

Marcelo foi Medalha de Prata no PABCON Inter-Americano 2018, em dupla com Bruno Costa.

Programação do Boliche no Pan Lima 2019

*Horário local na tabela abaixo, some +2 horas para o horário de Brasília

Logo dos Jogos Pan-Americanos 2019, com marca d´água da modalidade boliche.

Deixe uma resposta

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE