BOLICHES NO BRASIL

ONDE JOGAR BOLICHE NO BRASIL?

Abaixo, a nossa tabela interativa é ordenada por Estado, mas você pode colocar na ordem que desejar, basta clicar nas setas do cabeçalho da tabela.

Ou então digite uma palavra na caixa Pesquisar para localização mais rápida do centro de boliche que você procura (cidade, nome do boliche, endereço, etc).

Localize as principais pistas em qualquer lugar do país, em ordem conforme a sua conveniência nas colunas da Cidade, ou do Estado, ou do Nome do Boliche.

Em resumo, atualmente nosso Índice Nacional registra 227 centros de Boliche, com pouco mais que 1.600 pistas disponíveis.

A capital de São Paulo, só para ilustrar, é a cidade que possui o maior número de pistas de boliche no Brasil, cerca de 160.

Atualizamos nossas informações constantemente, então, se tiver correções ou inclusões envie-nos uma mensagem para boliche@boliche.com.br .

Clique em aprenda como jogar boliche, de forma rápida e simples.
Clique em saiba como montar um boliche e ser bem sucedido.

[table id=0021 /]

Os principais* centros brasileiros de boliche: 

* sedes de eventos oficiais das Federações Estaduais e Confederação Brasileira, a saber:
Bolix Internacional em Guarulhos – SP
Bolix Grand Plaza em Santo André – SP
Social Boliche Clube no Rio de Janeiro – RJ
Yex! Bowling em São José dos Campos – SP
Strike Casual Bowling em Brasília – DF
Boliche Del Rey em Belo Horizonte – MG
Villa Bowling West Plaza em São Paulo – SP
Boliche Paralela em Salvador – BA
Procopiu´s em Dourados – MS
Pinguim Boliche em São José – SC

Número de praticantes

O boliche é uma das atividades esportivas mais praticadas no mundo, posto que mais de 100 milhões de pessoas jogam boliche ao menos uma vez por ano.

Estudos do USBC (United States Bowling Congress) revelam, por outro lado, que há mais 12 milhões de jogadores no mundo que competem em ligas organizadas.

É provável que existam mais que 260.000 pistas de boliche em mais de 16.000 centros espalhados em mais que 90 países pelo mundo.

Por analogia e fórmulas matemáticas, sabe-se que mais de 10 milhões de partidas são jogadas diariamente no mundo.

A movimentação financeira

A indústria do jogo de Boliche movimenta, de acordo com estudos realizados pela BPAA (The Bowling Proprietors’ Association of America) mais dinheiro a cada ano do que qualquer outro esporte.

Ainda mais quando se considera a receita gerada em transportes aéreos e terrestres, restaurantes, hotéis e locação de veículos.

Os jogadores e praticantes assíduos de boliche, por conseguinte, excedem as médias nacionais de renda.

A competitividade esportiva

O COI (Comitê Olímpico Internacional) apoia a objetividade nas competições, em virtude de análise das regras adotadas atualmente.

Em suma, 35% dos jogadores de Boliche são mulheres e, em condições normais, as mulheres têm as mesmas chances competitivas que os homens.

O Boliche é um dos esportes que menos tem a ver com as opiniões subjetivas de juízes, pois basta registrar quem derruba mais pinos.

Sem dúvida alguma, o Boliche é o mais democrático dos esportes, com milhões de praticantes e espectadores em todos os continentes.

Leia também: a História e Origem do jogo de Boliche.

No Brasil, o Conselho Nacional de Desportos igualmente reconheceu o Boliche como modalidade desportiva a ser dirigida por entidade competente.

Confederação Boliche Brasil (CBBOL)

Foi criada, então, a CBBOL (Confederação Brasileira de Boliche), conforme Deliberação n.º 05/80 de 13 de junho de 1.980, baseada na Lei 6.251/75 e Decreto n.º 80.228/77, em razão do processo CND 1.295/80.