AUMI GUERRA É BICAMPEÃ MUNDIAL 2011

By
Updated: dezembro 7, 2011

Aumi Guerra Bicampeã 2011

A 47.ª QubicaAMF Bowling World Cup aconteceu no Bowling Northcliff Centre.

Localizado em Johanesburgo, África do Sul, mesma cidade da 29.ª edição desse evento em 1993.

Começou agora (11h30 em Johanesburgo, África do Sul e 7h30 no Brasil) a final da Copa Mundial 2011 entre duas campeãs mundiais:

A dominicana Aumi Guerra, campeã da Copa do Mundo no ano passado em Toulon, na França.

E a norte-americana Diandra Asbaty, campeã da Copa do Mundo em 2006 em Caracas, na Venezuela.

 As duas competidoras começaram com dois strikes cada uma.

Aumi mostrou que continua com seu ritmo avassalador, fazendo 11 strikes na linha, apenas um split 7-10 no quinto frame tirou-lhe a partida perfeita.

Diandra se segurou até o sétimo frame, quando frame aberto por um split 4-6-7 tirou-lhe a concentração e as chances de recuperar-se.

Aumi à beira da perfeição fez 266 e Diandra não passou dos 201. Aumi 1 x Diandra 0.

O EMPATE

Logo no segundo frame, Aumi deixou um split 4-7-10 que dificultou sua recuperação durante a partida, apesar de um triligue na sequência.

Diandra não errou nenhum frame e fechou com 227, Aumi fez 214 e o desafio está empatado em 1 a 1.

Diandra Asbaty

Ainda havia muita tensão e emoção reservadas para o desempate decisivo.

As duas finalistas começaram com ligue (X X) e fizeram spare no terceiro frame.

Então algo aconteceu depois disso que manteve a platéia tensa o tempo todo.

Aumi abriu um split 2002 (pinos 4-7-6-10) que preocupou, porém na jogada seguinte Diandra também abriu um split  2001 (pinos 4-7-10).

Então, no quarto frame estava 74 pontos para Diandra e 73 para Aumi.

Ambas fizeram spare no quinto frame.

No sexto Aumi conseguiu vantagem ao fazer um strike, enquanto Diandra fechou um spare.

Nos frames seguintes ambas fizeram spare e ligue (9/ X X ), deixando a definição para o décimo frame.

Aumi jogou primeiro e, caso fizesse strike, confirmaria o título, mas fez spare e strike.

Então foi a vez de Diandra, que também precisava de um strike para levar o título, mas também fez spare…

Aumi Guerra, da República Dominicana, sagrou-se BICAMPEÃ MUNDIAL DA COPA DO MUNDO QUBICA AMF!-

Deixe uma resposta

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE
× Clique aqui e fale com o editor pelo WhatsApp