OS CAMPEÕES BRASILEIROS 2019

By
Updated: junho 24, 2019

O Campeonato Brasileiro Individual de Boliche em sua 34.ª edição aconteceu no Rio de Janeiro de 20 a 23 de junho, nas pistas do Social Club do Norte Shopping na Av. Dom Hélder Câmara, 5474 – Piedade.

É o mais importante e mais tradicional evento individual realizado desde 1981 pela Confederação Brasileira de Boliche – Boliche Brasil.

Foram 79 inscritos neste ano, sendo 60 homens e 19 mulheres.

Clique aqui e conheça a história do Campeonato Brasileiro Individual de Boliche, desde 1981.

Para ampliar ou copiar clique na imagem. Agradeço a colaboração do Nilson Diniz, do Sidiney Dartora, do Celso Azevedo, do Bruno Costa, do Márcio Vieira, do Glauco Pacheco, da Dayse Silva, da Lúcia Vieira pelo compartilhamento das fotos e vídeo.

(foto acima) As 19 participantes da Divisão Feminina

A dupla brasileira masculina que irá representar o Brasil nos Jogos Pan-Americanos, em Lima no Peru, liderou a fase classificatória.

Bruno Costa detonou geral com 240,78 de média com bônus (224,11 scratch) em 18 linhas, seguido por Marcelo Suartz com 222,61 com bônus (210,39 scratch).

Roberta Rodrigues, também convocada para o #Pan2019, liderou com folga a Divisão Feminina com 227,67 de média com bônus (203,22 scratch).

A outra brasileira convocada para o Pan 2019 (são duas duplas, uma masculina e outra feminina) é Stephanie Martins, atualmente está disputando os campeonatos da PWBA (Professional Women Bowling Association), nos Estados Unidos.

(Foto acima, e-d) Roberta Rodrigues, Marcelo Suartz, Bruno Costa, Stephanie Martins

Sidiney Dartora (SC) fez a 60.ª partida perfeita homologada pela Confederação Boliche Brasil.

Chama-se partida perfeita a linha de 300 pontos, a pontuação máxima do boliche, conseguida após doze strikes consecutivos na mesma partida.

Foi o segundo 300 catarinense e, curiosamente, o primeiro foi do seu irmão Jair Dartora, durante a Taça Rio 2016.

Clique aqui e saiba quem fez todos os 300 oficiais brasileiros até hoje, 60 masculinos e 4 femininos.

Clique aqui para conferir os resultados completos, diretamente do site da Confederação Boliche Brasil.

Fase Classificatória e formato das finais

O formato da disputa exigiu que cada participante jogasse 18 partidas nos três primeiros dias na Fase Classificatória.

Classificaram-se para a Fase Master os 8 melhores de cada divisão.

As quartas-de-final da Fase Master foram no sistema “melhor-de-três”,
o 1.º colocado jogou contra o 8.º colocado (#1),
o 2.º versus o 7.º (#2),
o 3.º versus o 6.º (#3) e
o 4.º versus o 5.º (#4)

Nas Semifinais, o desafio #5 foi entre o vencedor do desafio 1 contra o vencedor do desafio 4 e o desafio #6 foi entre o vencedor do desafio 2 contra o vencedor do desafio 3.

Os perdedores dos desafios 5 e 6 foram premiados com Medalhas de Bronze, e os vencedores disputaram as Medalhas de Ouro e Prata.

As disputas na Fase Masters

(foto acima, e-d) Os oito finalistas da 1.ª divisão masculina: Pedro Diniz, Bruno Costa, Marcelo Suartz, Márcio Vieira, Pedro Diniz, Igor Pizzoli, Paulo Feijó, Rodrigo Marques

1.ª Divisão Masculina (Quartas-de-final)
#1 Bruno Costa (RJ) ganhou de Paulo Feijó (RJ)
#2 Marcelo Suartz (RJ) ganhou de Márcio Vieira (RJ)
#3 Pedro Diniz (SP) ganhou de Rodrigo Marques (SP)
#4 Nilson Diniz (SP) ganhou de Igor Pizzoli (SP)
SEMIFINAL
#5 Bruno Costa (RJ) ganhou de Nilson Diniz (SP)
#6 Pedro Diniz (SP) ganhou de Marcelo Suartz (RJ)
FINAL
#7 Bruno Costa (RJ) ganhou de Pedro Diniz (SP)
PÓDIO
OURO: BRUNO COSTA (RJ)
PRATA: Pedro Diniz (SP)
BRONZE: Nilson Diniz (SP) e Marcelo Suartz (RJ)

(foto acima, e-d) Pedro Diniz, Bruno Costa, Nilson Diniz, Marcelo Suartz

Bruno Costa, jovem atleta filiado à Federação Mineira de Boliche, joga pelo clube Fluminense (RJ), conquistou o título máximo nacional pela primeira vez.

Bruno é filho do maior campeão brasileiro de todos os tempos, Walter Costa, e também da super campeã Jacque Costa, ambos de Minas Gerais.

(Foto acima) Bruno com os pais, Walter e Jacque
O destaque paulista ficou com a dupla pai-e-filho Nilson Diniz & Pedro Diniz, respectivamente Bronze e Prata no 34.º Campeonato Brasileiro Individual de Boliche

1.ª Divisão Feminina
#1 Roberta Rodrigues (SP) ganhou de Marlene Bonacina (SC)
#2 Lúcia Vieira (RJ) ganhou de Vanessa Andrade (MG)
#3 Pollyana Arantes (DF) ganhou de Dayse Silva (SC)
#4 Titila Alvarez (RJ) ganhou de Léa Badaró (RJ)
SEMIFINAL
#5 Titila Alvarez (RJ) ganhou de Roberta Rodrigues (SP)
#6 Lúcia Vieira (RJ) ganhou de Pollyana Arantes (DF)
FINAL
#7 Lúcia Vieira (RJ) ganhou de Titila Alvarez (RJ)
PÓDIO
OURO: LÚCIA VIEIRA (RJ)

PRATA: Titila Alvarez (RJ)
BRONZE: Roberta Rodrigues (SP) e Pollyana Arantes (DF)

(foto acima, e-d) As oito finalistas da 1.ª divisão feminina: Pollyana Arantes, Lúcia Vieira, Marlene Bonacina, Vanessa Andrade, Dayse Silva, Roberta Rodrigues, Titila Alvarez, Léa Castro

Após quase vinte anos, a carioca Lúcia Vieira conquistou o título nacional individual pela terceira vez.

O primeiro título nacional individual de Lúcia foi em 1997 e o segundo em 1999.

(e-d) Titila Alvarez, Lúcia Vieira, Roberta Rodrigues, Pollyana Arantes

2.ª Divisão Masculina
#1 Eugênio Carvalho (DF) ganhou de Matheus Lima (RJ)
#2 Fábio Reinbold (SP) ganhou de Álvaro Ferreira (RJ)
#3 Felipe Rezende (SP) ganhou de Mário Tavares (RJ)
#4 Oscar Marin (SC) ganhou de Adilson Balthazar (RJ)
SEMIFINAL
#5 Fábio Reinbold (SP) ganhou de Felipe Rezende (SP)
#6 Eugênio Carvalho (DF) ganhou de Oscar Marin (SC)
FINAL
#7 Fábio Reinbold (SP) ganhou de Eugênio Carvalho (DF)
PÓDIO
OURO: FÁBIO REINBOLD (SP)

PRATA: Eugênio Carvalho (DF)
BRONZE: Felipe Rezende (SP) e Oscar Marin (SC)

(e-d) Eugênio Carvalho, Fábio Reinbold, Felipe Rezende, Oscar Marin

2.ª Divisão Feminina
#1 Kimie Urata (RJ) ganhou de Júlia Paschoal (SP)
#2 Tereza Belmonte (MT) ganhou de Danielle Ledur (MT)
#3 Mariane Almeida (SP) ganhou de Mariana Andrade (MG)
#4 Maria E. Petersen (RJ) ganhou de Raquel Tenuta (MT)
SEMIFINAL
#5 Mariane Almeida (SP) ganhou de Tereza Belmonte (MT)
#6 Maria E. Petersen (RJ) ganhou de Kimie Urata (RJ)
FINAL
# Maria E. Petersen (RJ) ganhou de Mariane Almeida (SP)
PÓDIO
OURO: MARIA EDUARDA PETERSEN (RJ)

PRATA: Mariane Almeida (SP)
BRONZE:Tereza Belmonte (MT) e Kimie Urata (RJ)


3.ª Divisão Masculina
#1 Petrônio Sabino (PE) ganhou de Paulo Dias (RJ)
#2 Glauco Levy Pacheco (MT) ganhou de William Kanegae (SP)
#3 Sérgio Martinelli (DF) ganhou de Alexandre Almeida (MG)
#4 Francisco Jansley (RJ) ganhou de Fellipe Tomanini (MG)
SEMIFINAL
#5 Francisco Jansley (RJ) ganhou de Petrônio Sabino (PE)
#6 Glauco Levy Pacheco (MT) ganhou de Sérgio Martinelli (DF)
FINAL
#7 Francisco Jansley (RJ) ganhou de Clauco Levy Pacheco (MT)
PÓDIO
OURO: FRANCISCO JANSLEY (RJ)

PRATA: Glauco Levy Pacheco (MT)
BRONZE: Petrônio Sabino (PE) e Sérgio Martinelli (DF)

(e-d) Glauco Levy Pacheco, Francisco Jansley, Petrônio Sabino, Sérgio Martinelli

4.ª Divisão Masculina
#1 Kleber Santanna (RJ) ganhou de Gabriel Verly (MG)
#2 Guilherme Vedovani (RJ) ganhou de Airton Balthazar (RJ)
#3 Leonardo Franca (PE) ganhou de Almer Nakano (MG)
#4 Celso Barata (RJ) ganhou de Fellipe Tomanini (MG)
SEMIFINAL
#5 Guilherme Vedovani (RJ) ganhou de Leonardo Franca (PE)
#6 Celso Barata (SP) ganhou de Kleber Santanna (RJ)
FINAL
#7 Celso Barata (SP) ganhou de Guilherme Vedovani (RJ)
PÓDIO
OURO: CELSO BARATA (SP)

PRATA: Guilherme Vedovani (RJ)
BRONZE: Leonardo Franca (PE) e Kleber Santana (RJ)

(e-d) Guilherme Vedovani, Celso Barata, Kleber Santana, Leonardo Franca

All Events (18 linhas)

Divisão Masculina (Geral, sem bônus)
1. Bruno Costa (4.034 pontos – média de 224,11)
2. Marcelo Suartz (3.787 – 210,39)
3. Nilson Diniz (3.759 – 208,83)
Maior Partida: 300 de Sidiney Dartora
Maior Série (6 games): 1384 de Marcelo Suartz

Divisão Feminina (Geral, sem bônus)
1. Roberta Rodrigues (3.658 pontos – média de 203,22)
2. Lúcia Vieira (3.401 – 188,94)
3. Dayse Silva (3.182 – 176,78)
Maior Partida: 265 de Lúcia Vieira
Maior Série (6 games): 1.249 de Lúcia Vieira

Pódios das Divisões Especiais

(e-d) Gabriel Verly, Pedro Diniz, Júlia Paschoal, Mariane Almeida, Patrícia Diéguez, Marlene Bonacina, Vanessa Andrade, Tininha Muelas

Divisão Juvenil Feminina Sub-16
OURO: Mariane Almeida (RJ)
PRATA: Júlia Paschoal (SP)
Maior Partida: 188 de Júlia Paschoal (SP)
Maior Série (6 games): 963 de Mariane Almeida (RJ)

Divisão Juvenil Masculina Sub-21
OURO: Pedro Diniz (SP)
PRATA: Gabriel Verly (MG)
Maior Partida: 234 de Pedro Diniz (SP)
Maior Série (6 games): 1200 de Pedro Diniz (SP)

Divisão Juvenil Feminina Sub-21
OURO: Mariane Almeida (RJ)
PRATA: Júlia Paschoal (SP)
BRONZE: Patrícia Diéguez (SP)
Maior Partida: 188 de Júlia Paschoal (SP)
Maior Série (6 games): 963 de Mariane Almeida (RJ)

Divisão Sênior Feminina
OURO: Lúcia Vieira (RJ)
PRATA: Titila Alvarez (RJ)
BRONZE: Léa Badaró (RJ)
Maior Partida: 242 de Lúcia Vieira (RJ)
Maior Série (6 games): 1.133 de Lúcia Vieira (RJ)

(e-d) Dayse Silva, Lúcia Vieira, Titila Alvarez

Divisão Sênior Masculina
OURO: Paulo Feijó (RJ)
PRATA: Márcio Vieira (RJ)
BRONZE: Celso Azevedo (SP)
Maior Partida: 254 de Paulo Feijó (RJ)
Maior Série (6 games): 1.283 de Márcio Vieira (RJ)

(e-d) Márcio Vieira, Paulo Feijó, Celso Azevedo

Divisão Super Sênior Feminina
OURO: Vanessa Andrade (MG)
PRATA: Marlene Bonacina (MT)
BRONZE: Tininha Muelas (RJ)
Maior Partida: 197 de Vanessa Andrade (MG)
Maior Série (6 games): 950 de Vanessa Andrade (MG)

Divisão Super Sênior Masculina
OURO: Eugênio Carvalho (DF)
PRATA: Sérgio Martinelli (DF)
BRONZE: Francisco Bonacina (SC)
Maior Partida: 244 de Kleber Santana
Maior Série (6 games): 1.228 de Eugênio Carvalho (DF)

(e-d) Sérgio Martinelli, Eugênio Carvalho, Francisco Bonacina

Deixe uma resposta

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE
× Clique aqui e fale com o editor pelo WhatsApp