TAÇA BELO HORIZONTE 2019

24-05-2019 - 26-05-2019 Dia Todo
Boliche Del Rey Shopping - Belo Horizonte - MG
Phone:+55 31 3415-7535
Address: Av. Presidente Carlos Luz, 3001 - Pampulha, Belo Horizonte - MG, Brasil

32.ª Taça Belo Horizonte – (sex/sáb/dom) 24 a 26 de maio de 2019 REGULAMENTO (Clique aqui)

Related upcoming events

  • 19-10-2019 - 27-10-2019 Dia Todo

    57.º CAMPEONATO PAULISTA INDIVIDUAL

    19-20 e 26-27 de outubro de 2019 (sáb/dom/sáb/dom)

    Condicionamento: WB Montreal (41´)_19

    Para baixar o Regulamento em .PDF clique aqui.

    REGULAMENTO DO 57.º CAMPEONATO PAULISTA INDIVIDUAL

    1. DA REALIZAÇÃO DO CAMPEONATO:

    Evento organizado, realizado e coordenado pela Federação Paulista de Boliche (FPBOL)

    Aberto a todos os adeptos do esporte Boliche, devidamente filiados ou que venham a filiar-se antes do início do evento.

    Os resultados obtidos no evento serão computados no Ranking Paulista de 2019.

    2. DOS LOCAIS DO EVENTO:

    BOLIX - Shopping Internacional de Guarulhos

    Rodovia Presidente Dutra – Saída 225 – Guarulhos – SP.

    3. DAS DATAS E HORÁRIOS:

    Datas: dias 19, 20, 26 e 27 de Outubro de 2019.

    1.º Turno: Inicio (bate bola): 08:15 h (todos os dias)

    Dependendo do numero de inscritos, poderá haver o 2.º Turno.

    1.º Turno – inicio (bata bola): 07:50 h (todos os dias).

    2.º Turno – inicio (bata bola): 13:00 h (todos os dias).

    Caso tenha o 2.º Turno, não haverá o rodizio entre o turnos.

    4. DAS INSCRIÇÕES

    4.1 - As inscrições para o Campeonato Paulistas Individual, deverão ser realizadas por intermédio dos Clubes, até as 22:00 h do dia 12 de Outubro de 2019, por e-mail para presidencia@fpbol.org.br, com cópias para, financeiro@fpbol.org.br e tecnico@fpbol.org.br

    4.1.1 - Até o dia 16 de outubro, será divulgado a relação dos inscritos confirmadas o pagamento: item 4.5 e 6

    4.1.2 - Quanto ao depósito do pagamento das inscrições para o Campeonato Paulista Individual, deverão ser realizadas pelos clubes ou atletas.

    4.2 - Taxa de inscriçãoAdultos R$ 350,00 (trezentos e cinquenta reais) e Juvenis R$ 260,00 (duzentos e sessenta reais).

    4.2.1 - Pagamentos das inscrições efetuados após o dia 7 de Outubro de 2019, com data limite de 12 de Outubro será Adultos R$ 360,00 (trezentos e sessenta reais) e Juvenis R$ 270,00 (duzentos e setenta reais).

    4.3 - Segundo semestre da FPBOL - R$ 50,00 (cinquenta reais) – para atletas filiados à FPBOL que ainda não tenham participado de eventos no segundo semestre de 2019 - Pagamento: item 4.5

    4, 4 - Segundo semestre CBBOL – R$ 50,00 (cinquenta reais) – para atletas filiados à FPBOL que ainda não tenham participado de eventos no segundo semestre de 2019 - Pagamento: item 4.6

    4.5 - Os pagamentos deverão ser efetuados por meio de transferência eletrônica ou depósito identificado até o dia 12 de Outubro de 2019:

    Federação Paulista de Boliche
    CNPJ: 58.495.383/0001 – 04
    Banco Santander Brasil (código: 033)
    Agência: 3706
    C/C.: 13.004.936-4

    4.6 - Os Clubes deverão indicar um representante e este ficará responsável por consolidar os comprovantes de depósitos dos atletas e encaminha-los para os e-mails presidencia@fpbol.org.br e financeiro@fpbol.org.br

    4.6.1 - No caso de não haver confirmação do pagamento da inscrição, a inscrição será cancelada.

    4. 7 - A taxa de semestralidade da CBBOL, item: 4.4, deve ser paga exclusivamente pelo site bolichebrasil.com.br até o dia 12 de Outubro de 2019.

    4.8 - Não será permitida a inscrição de atletas inadimplentes ou ainda com pendências financeiras junto a FPBOL, enquanto a pendência não for regularizada.

    5. CAMPEONATO PAULISTA INDIVIDUAL

    5.1 - FORMATO E FORMA DE DISPUTA

    5,1, - O evento será disputados em 24 (vinte e quatro) partidas, distribuídas em 4 (quatro) rodadas de 6 (seis) partidas cada, disputadas no formato Round Robin (20 pontos por vitória e 10 pontos por empate).

    5.1.2 - A 1.ª Divisão Masculina será composta dos 24 (vinte e quatro) atletas melhores classificados no Ranking Seletivo Paulista e a 1ª Divisão Feminina será composta pelas 12 (doze) melhores classificadas no Ranking Seletivo Paulista e que tenham disputados os eventos obrigatório: 2 (dois) Paulistas Oficiais ou o Brasileiro de Clubes e 2 (duas) Taças locais (de clubes homologadas/Taça São Paulo), não havendo vaga técnica para nenhuma divisão.

    5.1.3 - Caso tenha algum atleta dentro dos 24 (vinte e quatro) atletas masculino e dentro das 12 (doze) atletas femininas, melhores colocadas no Ranking Paulista que não tenha o número mínimo de eventos exigidos, o mesmo poderá participar do evento, porém caso vença a competição não terá o direito a vaga na Seleção Paulista item 8.1 e 8.2

    5.1.4 - As demais divisões serão distribuídas de acordo com o número de inscritos. Caso ocorra de alguma divisão restar com quantidade de atletas que inviabilize a disputa no formato de Round Robin, nesse caso, a disputa passará a ser disputada exclusivamente por pinos derrubados e All Events.

    5.1.5 - Os resultados obtidos pelos atletas da 1.ª Divisão, serão classificatórios para a formação das Seleções  Masculinas  Paulista  A  e  B  e  a  Seleção  Feminina Paulista. Seguindo o Regulamento Geral, os Campeões terão vaga assegurada na Seleção e demais atletas, de acordo com a classificação obtida no Ranking, após o término da última rodada.

    5.1.6 - Após o término das 24 (vinte e quatro) partidas, os 3 (três) melhores classificados com bônus em suas respectivas divisões avançarão para as finais.

    5.1.7 - Em todas as divisões, as finais serão o 3.º colocado contra o 2.º colocado, 1 (uma) partida  com  vantagem  do  empate  para  o  2.º  colocado,  o  vencedor enfrenta o 1.º colocado.

    O 1.º colocado do evento com bônus, na final tem a vantagem do empate e também pode perder a 1.ª partida da disputa. Se isto ocorrer, o Campeão do evento disputará uma 2.ª partida mantendo a vantagem do empate.

    5.1.8 - A decisão se haverá ou não recondicionamento para as finais, ficará a cargo da Comissão Técnica, após analisar as condições técnicas ao final do turno.

    6. DO POSICIONAMENTO INDIVIDUAL NAS PISTAS

    6.1  - A ordem de posicionamento dos atletas será em função da classificação do atleta no último Ranking Seletivo divulgado, antes do início do evento,

    6.2 - A mudança de pista será partida a partida, podendo ser aleatório e haver repetição de pista por se tratar de uma disputa de Round

    6.3 - Caso ocorra alguma divisão não ser formato Round Robin a mudança de pista será para direita.

    7. DA PREMIAÇÃO DO CAMPEONATO

    7.1 - Medalhas aos atletas classificados até a 3.º colocação no All Events Individual de cada divisão.

    7.2 - Medalhas aos atletas que fizerem a maior partida e maior série de cada divisão.

    7.3 - Após a disputa das finais, os vencedores serão consagrados com troféus de Campeão Paulista Individual 2019 em suas respectivas divisões e o Vice Campeão e o Terceiro Colocado receberão medalhas.

    8. DA CLASSIFICAÇÃO DA SELEÇÃO PAULISTA

    8.1 - A Seleção Masculina A e a Seleção Feminina, será composta pelo Campeão(ã) Paulista Individual, os 5 (cincos) melhores classificados no Ranking Paulista Seletivo e que tenham disputado em 1.ª Divisão.

    8.2 - A Seleção Masculina B será composta pelos melhores classificados no Ranking Paulista Seletvo que tenham disputado o Campeonato Paulista Individual em 1.ª Divisão, após preenchidas as vagas da Seleção A.

    9. DA DISCIPLINA E REGRAS DE DISPUTA

    9.1 - DOS ATRASOS/FALTAS DOS ATLETAS

    9.1.1 - Segundo normas da W.T.B.A., qualquer jogador que chegar atrasado, poderá iniciar sua participação no par de pistas designado, respeitando o frame e ordem de jogo de suas respectivas pistas, computando-se “zero” para os frames completados.

    9.1.2 - Não poderá ser usado o blind.

    9.1.3 - Para efeito de all events, serão computadas somente as partidas efetivamente jogadas e a classificação será observada pelo total de pinos derrubados.

    9.2 - RITMO DE JOGO

    9.2.1 - A FPBOL se reserva o direito de aplicar regras próprias para o evento, em razão do número de participantes e adequação de cumprimento das exigências da casa comercial quanto o horário de liberação de pistas.

    9.2.2 - JOGO LENTO – os atletas deverão respeitar, ao posicionar-se para execução do arremesso, uma pista à sua direita e uma pista à sua esquerda.

    Competidores do mesmo par de pistas não deverão fazer arremessos consecutivos, sem permitir que os jogadores da pista à esquerda e a direita, façam seus lançamentos, ressalvada a hipótese que não estejam prontos para seus respectivos arremessos.

    Segue link de instrução: https://boliche.com.br/regras-do-boliche-par-pistas-cortesia/

    9.2.3 - Será considerado JOGO LENTO, no caso de que qualquer jogador(es) em seu(s) respectivo(s) par(es) de pistas, estejam mais de 2 (dois) frames atrasados em relação aos demais competidores, excluídos os pares de pistas localizadas nas extremidades (exemplos: 1-2 e 23-24).

    9.2.4 - Havendo constatação de JOGO LENTO, o(s) atleta(s) serão advertidos por pessoa autorizada pela FPBOL, respeitado o limite de duas advertências no evento. Havendo 3.ª constatação de JOGO LENTO, será computado “zero” no frame, ao(s) atleta(s) advertido(s).

    10. UNIFORMES

    10.1 - Os atletas  deverão  estar  rigorosamente  uniformizadas  com  camisa      alusivas ao esporte BOLICHE, a partir da 1.ª rodada, sob pena de exclusão dos resultados obtidos, até regularização do uniforme.

    10.2 - Tendo em vista o clima tropical do nosso país, será admitido o uso de bermudas. Todavia, não será admitido o uso de calção, shorts ou assemelhados.

    11. FUMO – BEBIDAS E ALIMENTOS

    11,1 - A fiscalização será rigorosa nas dependências da casa comercial, como banheiros (WC) e área interna do boliche.

    Caso o atleta se ausente do local, deverá comunicar o fiscal, e se ao iniciar a partida e no momento de sua jogada estiver fora das dependências do boliche, receberá ZERO no frame.

    No caso do fiscal, membro da comissão de arbitragem ou funcionários da casa constatarem nas áreas do boliche, como banheiros, salas, etc., indícios como cheiro ou bitucas de cigarros e afins, será aplicada a seguinte penalidade:

    Caso um atleta seja pego fumando durante uma partida, a mesma será zerada para efeito de pontuação.

    Obs.: O fiscal/árbitro tem outorga de poderes e fé pública para aferir a prática de irregularidades, o fumo em hipótese alguma poderá atrapalhar o andamento do evento.

    11.2 - Não será permitido consumir bebidas alcoólicas durante o jogo.

    Após o encerramento de seus turnos, a liberalidade do consumo de bebidas alcoólicas será respeitada, desde que o(s) atleta(s) não esteja(m) trajado(s) com uniforme(s) camiseta(s) alusiva(s) ao esporte.

    11.3 - O consumo de demais Bebidas e Alimentos, será permitido FORA DA ÁREA DE JOGO, devendo os atletas, utilizarem-se dos balcões e mesas localizados fora da área de competição.

    11.4 - DA ALTERAÇÃO DE SUPERFÍCIE- APPROACH – SAPATOS

    Deverão ser observadas as regras WTBA, quanto ao uso de substâncias químicas.

    No intervalo entre partidas, poderá ser alterada a superfície das bolas, antes do primeiro arremesso do atleta, e jamais na área de jogo, observando que as bolas deverão ser limpadas após qualquer alteração de sua superfície.

    Não será permitido o uso de talcos ou quaisquer produtos no APPROACH, tampouco nos sapatos dos competidores.

    12. DAS REGRAS GERAIS

    12,1 - Caso seja constatado descumprimento do item 11.4, após o início da disputa, o atleta terá zerado seus resultados das partidas jogadas.

    12.2 - Caso seja constatado descumprimento as regras previstas no item 10.1 e 10.2 antes do início da disputa, o atleta não participara do turno ou partidas, até que esteja vestido adequadamente.

    12.3 - Fica terminantemente proibida a permanência de pessoas estranhas, na área de jogo, sendo facultado apenas na hipótese de autorização prévia da organização, a presença de técnicos nomeados, apenas um por par de de pistas.

    13. BATE BOLA (AQUECIMENTO)

    Somente haverá “bate bola” para aquecimento, no início de cada série (10 minutos).

    14. CONDICIONAMENTO DE PISTAS:

    Será divulgado até o dia 10 de Outubro de 2019.

    15. DA ORGANIZAÇÃO:

    É de responsabilidade da FPBOL a organização do evento.

    15.1 - Todos os resultados serão computados após o término da linha, devendo ser conferidos pelos atletas, ANTES DA ENTREGA das súmulas respectivas.

    15.2 - Havendo quaisquer anotações equivocadas, deverão solicitar a atleta de qualquer terceto adversário, para que viste eventuais correções e/ou rasuras em suas anotações.

    Os resultados serão on line - bolichebrasil.com.br e/ou afixados em áreas pré- determinadas pela   Organização,   devendo   todos   observar   que   o   prazo para reclamações e/ou correções será de até  uma  hora  após  o  término  do  turno.

    Não havendo manifestação dentro do prazo estipulado, os lançamentos serão considerados regulares.

    15.3 - Solicitações de esclarecimentos e reclamações (pistas, condicionamento, atendimento, etc.) dos atletas relativos ao evento deverão ser encaminhadas por intermédio do Dirigente do seu clube a comissão organizadora.

    15.3.1 - Havendo solicitação de  esclarecimentos  e  reclamações  efetuadas pelo próprio atleta a comissão organizadora, o atleta será advertido com um cartão amarelo, respeitando o limite de 2 (duas) advertências no evento (dois cartões amarelos).

    15.3.2 - Havendo a terceira advertência no evento, o atleta receberá o cartão vermelho e estará eliminado das competições.

    16. DISPOSIÇÕES FINAIS

    Este regulamento é válido apenas para o Campeonato Paulista Individual - 2019.

    Aos casos omissos no presente Regulamento serão aplicadas as Regras desportivas pertinentes (FIQ, WTBA, NORMABOL), ou quaisquer outras previstas para a prática desportiva BOLICHE.

    São Paulo, 18 de Setembro de 2019.

    JOSE MARIN - Presidente FPBOL

    NILSON DINIZ - Diretor Técnico FPBOL

  • 14-11-2019 - 17-11-2019 Dia Todo

    Campeonato Brasileiro de Seleções - (qui/a/dom) 14 a 17 de novembro de 2019
    XXXIX CAMPEONATO BRASILEIRO DE SELEÇÕES
    XXX TAÇA BRASIL DE SELEÇÕES
    XXIII TAÇA BRASIL DE TERCETOS

    R E G U L A M E N T O

    1.ª ETAPA LOCAL E HORÁRIOS

    A BOLICHE BRASIL informa que o XXXIX Campeonato Brasileiro de Seleções será o evento nacional indicado para o programa Bolsa Atleta, do Ministério dos Esportes, caso o programa esteja ativo.

    1. Datas, horários e local de disputa

    O Campeonato Brasileiro de Seleções e a Taça Brasil de Seleções serão realizados em Guarulhos-São Paulo, período de 14 a 17 de novembro de 2019, no seguinte boliche: Bolix - Internacional Shopping de Guarulhos.

    Os horários de jogos de cada divisão em Guarulhos serão divulgados após o encerramento das inscrições.

    Serão realizados dois turnos, sendo que o primeiro turno será realizado sempre às 8h, e o segundo turno com previsão de início para as 14h.

    A princípio, a Taça Brasil de Tercetos será disputada também no Bolix Guarulhos, porém, caso haja necessidade, a depender do número de seleções inscritas, a Taça Brasil de Tercetos poderá ser realizada em subsede em outra cidade a ser definida e divulgada até dia 10 de outubro de 2019.

    Em caso de utilização de subsede (em cidade a ser definida), será realizado apenas um turno, com início sempre às 9h.

    2. Inscrições e forma de pagamento

    Para a definição dos horários e locais de jogos a inscrição será dividida em duas etapas e prazos, a saber:

    1.ª Etapa – Inscrição das Equipes:

    Inscrição da seleção, seja ela masculina, feminina, taça Brasil masculina, ou terceto.

    Esta inscrição não precisa ser nominal com todos os atletas das equipes, apenas será necessário definir se a equipe participará ou não.

    PRAZO: até 3 de outubro de 2019.

    Para essa etapa, as federações deverão encaminhar e-mail a presidente@bolichebrasil.com.br e cópia para tecnico@bolichebrasil.com.br, indicando quais seleções e tercetos participarão do evento.

    Não é necessário indicar os nomes dos jogadores nesse momento.

    As Seleções e Tercetos inscritos nesta primeira fase garantem vaga no torneio e se tornam devedoras de todas as inscrições efetuadas, mesmo que compareçam com times incompletos ou mesmo que não joguem o torneio.

    Ressalta-se que não há possibilidade de desistência após essa confirmação e as inscrições serão cobradas das Federações.

    2.ª Etapa – Inscrição Nominal dos Atletas e Pagamento das Inscrições:

    As Federações deverão finalizar a inscrição nominal dos atletas das equipes previamente inscritas até o dia 20/10/2019.

    Após as indicações (03/10/2019), a Boliche Brasil fará a abertura do sistema para que cada atleta pague sua inscrição diretamente no site da Confederação no valor de R$ 420,00 por atleta.

    Este pagamento deverá acontecer impreterivelmente até o dia 31/10/2019.

    Não haverá desconto para atletas juvenis neste torneio.

    As inscrições das equipes deverão ser feitas exclusivamente pelas Federações, incluindo na primeira etapa apenas o nome do estado/terceto.

    Até o dia 06 de outubro 2019 serão divulgadas as equipes confirmadas e suas respectivas divisões/boliche/turno e subsede se houver.

    IMPORTANTE:

    • Federações inadimplentes com a anuidade da BOLICHE BRASIL ou quaisquer outras taxas/valores não poderão inscrever atletas para o Brasileiro de Seleções.

    • Federações que possuam atletas que tenham disputado torneios internos e não tenham pago a anuidade da BOLICHE BRASIL não poderão inscrever atletas para o Brasileiro de Seleções.

    • Atletas inadimplentes com a anuidade BOLICHE BRASIL não poderão ser inscritos para o Brasileiro de Seleções.

    3. Organização do evento

    A organização do evento ficará a cargo da BOLICHE BRASIL.

    4. Forma de disputa

    a) Brasileiro de Seleções Masculino e Brasileiro de Seleções Feminino e Taça Brasil de Seleções
    Masculino (mínimo de 4 equipes + a equipe sede para validação = 5 equipes).

    As equipes masculinas e femininas do Brasileiro de Seleções e masculina da Taça Brasil de Seleções serão formadas por seis atletas cada e disputam as seguintes provas: individual, duplas, tercetos, equipes e estado.

    As provas serão assim disputadas:
    • Prova individual: 6 partidas, total de pinos derrubados.
    • Prova de duplas: 6 partidas de cada atleta, total de pinos derrubados.
    • Prova de tercetos: 6 partidas de cada atleta, total de pinos derrubados.
    • Prova de equipes: 6 partidas de cada atleta, com soma de pinos, sendo que a cada linha a pior partida da equipe é descartada.

    Além das provas acima descritas, serão atribuídos pontos para o all-events da equipe.

    b) Taça Brasil de Tercetos

    Cada terceto poderá ser formado por atletas de Federações diferentes ou mesmo por jogadores avulsos.

    Cada jogador jogará 24 partidas e será declarado campeão o terceto com maior total de pinos derrubados em divisão única.

    5. Regras Gerais

    • Um Estado só poderá jogar a Taça Brasil de Seleções se também participar do Campeonato Brasileiro de Seleções.

    As exceções são: federação nova convidada pela BOLICHE BRASIL para participar somente da Taça Brasil, indisponibilidade de pistas no Brasileiro de Seleções ou por critério técnico da BOLICHE BRASIL.

    • Da mesma forma, uma Federação que não esteja participando das competições principais, Brasileiro de Seleções e Taça Brasil de Seleções, não poderá inscrever equipes que permitiriam a mesma participar do evento principal.

    • Patrocínios individuais de atletas somente serão permitidos se não descaracterizarem o uniforme, a critério da Direção da BOLICHE BRASIL.

    • Todas as provas do Brasileiro de Seleções e Taça Brasil de Seleções serão disputadas em seis partidas, com três atletas por pista. Na prova individual masculina, deverão ser escalados pela organização até dois atletas de uma mesma Federação em um mesmo par de pistas.

    Na prova individual feminina, preferencialmente uma atleta por equipe no par de pista.

    Na prova de duplas, um par de pistas deverá ter três duplas de estados diferentes, se possível.

    Na prova de tercetos, dois tercetos de estados diferentes no par.

    Na prova de equipes masculina, cada Federação ocupará um par de pistas.

    Na prova de equipes feminina, os times de um mesmo estado podem jogar separados.

    • A Taça Brasil de Equipes será jogada sempre em ritmo de três atletas por pista.

    • Para efeito de pontuação, os empatados em cada fase dividirão os pontos previstos na tabela.

    Eventuais empates na pontuação final por Federação será decidida pelo total de pinos derrubados da Federação ao final do evento.

    • Nenhum atleta poderá jogar em duas divisões ou categorias distintas do evento.

    • Conforme previsto em normativo da World Bowling, não será permitida substituição de atletas durante o evento.

    • Cada Federação receberá por parte da organização uma pasta com a qual poderá acompanhar o evento completo.

    O responsável pela Federação deverá fornecer a organização os nomes de seus atletas nas fichas de posicionamento de cada fase, logo após o término da fase anterior.

    • O posicionamento dos atletas na Fase Individual deverá ser entregue a organização, no máximo 1 hora após o sorteio da numeração das Federações, em formulário próprio.

    Caso não seja entregue, ficará a cargo da organização o posicionamento dos atletas.

    • O Sorteio ocorrerá dia 13 de novembro as 20 horas nas dependências do Boliche ou Online.

    • Tabela de pontuação das provas:

    • Será declarada campeã a Seleção que, ao final do torneio, obtiver o maior número de pontos ganhos segundo a tabela acima.

    • Cada Federação deverá indicar um capitão, para que o mesmo, e tão somente o mesmo, possa ter acesso à organização para coletar os diversos resultados e sanar quaisquer dúvidas.

    Solicita-se que os capitães informem os seus atletas no sentido de respeitarem o Regulamento em todos os seus itens, e que quaisquer dúvidas que os mesmos possam ter sobre o evento, que solicitem informações através de seu capitão.

    6. Premiação

    Serão premiados:

    • Os três primeiros colocados de todas as provas do Brasileiro de Seleções e Taça Brasil de Seleções, exceto all-events por equipe.

    • Os cinco primeiros colocados do all-events individual de todas as competições.

    • As melhores partidas e melhores séries do all-events individual de todas as competições.

    • Os três estados primeiros colocados pela soma de pontos do Brasileiro de Seleções e Taça Brasil de Seleções.

    • Os três tercetos melhores colocados na Taça Brasil de Tercetos.

    6.1 - Da cerimônia de premiação

    – A partir do segundo dia de torneio serão feitas as entregas das medalhas referentes ao dia anterior.

    A cerimônia será realizada no horário previsto para as 14h.

    No último dia, será feita após o término de cada turno, após apurados os resultados.

    6.2 - Os atletas premiados deverão participar obrigatoriamente da cerimônia de entrega de medalhas.

    Os atletas medalhistas que não participarem da cerimônia terão seus resultados anulados para efeito de ranking brasileiro.

    7. Condicionamento das pistas

    Será utilizado apenas um pattern World Bowling 2019 para os quatro dias de competição, banco de 40’ (quarenta pés), que será definido pela Boliche Brasil até dia 31 de outubro de 2018.

    8. Uniforme

    É obrigatório que os atletas utilizem camisas iguais e que representem seu estado e o esporte.

    Preferencialmente os atletas deverão utilizar calças (homens) e saias/bermudas (mulheres) na mesma cor e modelo.

    Será permitido o uso de bermudas também para a divisão masculina.

    Esta permissão tem validade desde que todos os atletas do time usem bermuda no mesmo dia, de mesma marca, modelo e cor.

    Não será permitido o uso quando um ou mais jogadores não faça o uso da bermuda ou com bermudas de diferentes modelos.

    9. Consumo de Comida, Bebida e Cigarro e anti-dopping

    Não é permitido portar ou consumir comida na área de jogo.

    Estão excluídos desta regra as barras de cereal/proteína/doces ou frutas.

    O atleta que consumir álcool durante o turno, ou fora dele com a camisa de competição, será imediatamente excluído do torneio.

    É proibido o fumo durante o turno que o atleta esteja jogando, ou fora dele com a camisa de competição, mesmo que em área designada para tal.

    Caso um jogador seja pego fumando durante uma partida, a mesma será zerada para efeito de pontuação.

    Caso o jogador seja pego fumando entre as partidas, será zerada a partida subsequente.

    Em caso de reincidência, o jogador será excluído do torneio.

    Caso o atleta seja pego fumando após seu turno com a camisa de competição será advertido na primeira ocorrência e excluído do torneio na segunda.

    A ABCD – Autoridade Brasileira de Controle Antidopagem poderá, aleatoriamente, realizar testes de controle Antidoping com quaisquer atletas que julgue necessário.

    A ABCD possui todo o Calendário anual da Boliche Brasil e realiza coleta de exames sem aviso prévio.

    Maiores informações sobre controle de doping podem ser obtidas no endereço: http://www.abcd.gov.br

    10. Uso de Pós e Substâncias Indevidas

    É proibido o uso de Grips, Slides e/ou outras substâncias do tipo, junto ao retorno de bolas, pois os mesmos podem prejudicar os arremessos de outros atletas.

    O uso deverá ser feito nas mesas junto às cadeiras, ou fora da área de jogo.

    É proibido deixar Grips, Slides e similares em cima do computador na área de jogo.

    É proibido, a qualquer momento, o uso de Grips, Slides, talco, ou qualquer outro produto nas solas dos sapatos.

    O atleta que desrespeitar a regra terá o frame que estiver jogando zerado.

    Em caso de reincidência, a partida zerada. Nova reincidência, zero no turno e desclassificação do campeonato.

    11. Ajustes nas Superfícies das Bolas

    Ajustes na superfície das bolas feitos a mão com abralon, scotch brite, produtos de polimentos e limpeza constante da lista de produtos aprovados pela World Bowling serão permitidos entre partidas, desde que sejam feitos fora da área de jogo e que não atrasem a próxima jogada do jogador.

    Será considerado “entre partidas” o período entre o último arremesso da partida anterior e o primeiro arremesso da próxima partida.

    Somente será permitido o uso de produtos aprovados pela World Bowling.

    A relação poderá ser acessada pelo site http://www.worldbowling.org/about/rules/, seção Acceptable List of Cleaners and Polishes.

    Caso haja alteração de superfície da bola durante a partida, o jogador faltoso terá a partida anulada e receberá zero como pontuação, tanto para a fase que estiver jogando como para o allevents.

    12. Jogo Lento (ATENÇÃO ÀS NOVAS REGRAS)

    O jogador deve seguir a nova orientação da World Bowling no que diz respeito à cortesia de pistas.

    Na nova orientação que está disponível no site da www.worldbowling.org, o jogador aguarda um par de pista a sua esquerda e um à direita para fazer seu arremesso, consequentemente o outro jogador do mesmo par não pode entrar para o jogo em sequência, devendo, portanto, aguardar que os jogadores dos pares a esquerda e direita façam seus arremessos, e assim sucessivamente.

    A World Bowling disponibilizou um vídeo que pode ser acessado clicando aqui.

    Notem que o jogador do par ao lado (que aguardava) deve estar pronto para subir para seu arremesso imediatamente após o jogador no par ao lado voltar do approach, portanto não é o momento em que o jogador fará a rotina de limpeza de bolas etc. isso deve ser feito ENQUANTO o jogador do par ao lado estiver arremessando e não após seu arremesso.

    Há também um exemplo de violação à regra de cortesia (clique aqui), neste exemplo um jogador do mesmo par
    “passa à frente” do jogador do par ao lado imediatamente após um jogador do seu par executar o arremesso, neste caso será aplicado cartões na seguinte sequência:

    Branco na primeira ocorrência, amarelo na segunda e vermelho na terceira (que significará exclusão do atleta do
    torneio).

    Este novo procedimento traz mais agilidade no desenrolar das partidas prevendo-se 45 minutos para cada partida com 6 atletas num par de pista, totalizando-se 4h30min por turno no máximo, excetuando-se casos de quebra comprovada de pistas.

    13. Penalidades e Comissão Disciplinar

    A não observância de um atleta a qualquer dos itens do presente Regulamento ou Código Brasileiro de Justiça Desportiva e regras WorldBowling, quando aplicável, implicará em perda de Frames, dos pontos da partida, da rodada e, até mesmo, a sua exclusão da competição, a critério dos árbitros do evento.

    Punições adicionais poderão ser julgadas pelo STJD da Boliche Brasil.

    Com a constituição do Superior Tribunal de Justiça Desportiva do Boliche, após o evento será lavrada Súmula que será encaminhada ao Procurador do tribunal para observância das possíveis infrações cometidas e posterior julgamento sob a tutela do CBJD – Código Brasileiro de Justiça Desportiva.

    A insistência na falta poderá implicar em punição disciplinar, afetando inclusive o benefício do Bolsa Atleta, conforme texto a seguir:

    Art. 10 Deferida a concessão aos Atletas Aptos, selecionados conforme o disposto nos artigos 6.º, 7.º e 8.º e após publicação de seus nomes no Diário Oficial da União, estes serão considerados Atletas Contemplados.

    § 1.º O atleta que encerrar sua carreira esportiva, não participar regularmente de treinamentos e competições oficiais ou sofrer sanção disciplinar terá seu pleito, contemplação ou benefício cancelado.

    A Comissão Disciplinar será nomeada pela Diretoria da BOLICHE BRASIL, e seus membros anunciados antes do início dos jogos.

    14. Inscrição/Pesagem/conferência de Bolas

    Será permitida a inscrição de apenas 6 bolas por atleta no torneio.

    A ficha de inscrição deverá ser entregue à organização antes do início da primeira partida e será permitida a substituição de apenas uma das bolas inscritas, sendo que a bola substituída não deverá permanecer no boliche.

    A BOLICHE BRASIL poderá a qualquer momento e de forma aleatória fiscalizar qualquer atleta, fazendo a conferência das bolas em jogo para ver se as mesmas se encontram dentre às bolas inscritas, dentro das especificações técnicas definidas pela World Bowling.

    Se por acaso uma das bolas estiver fora das normas ou não estiver inscrita, este atleta perderá a série jogada e essa bola deverá ser colocada em condições para o uso.

    15. Da cerimônia de abertura

    – Realização dia 14 de novembro entre o primeiro e segundo Turnos.

    PARTICIPAÇÃO OBRIGATÓRIA

    Logo após o encerramento do primeiro turno, todos os atletas participantes do evento (todas as
    divisões) serão convocados para a cerimônia de abertura.

    Os atletas deverão se perfilar em frente às pistas, devidamente uniformizados, conforme orientação da organização, para a cerimônia do hino nacional e a declaração de abertura feita pela maior autoridade presente ao evento.

    O atleta que não participar será automaticamente desclassificado do evento.

    Os atletas desclassificados não poderão jogar nem para efeito de ranking.

    16. Disposições Finais

    O presente regulamento seguirá as normas emanadas dos órgãos superiores brasileiros e World Bowling (Federação Internacional de Boliche).

    Este Regulamento substitui o anteriormente divulgado.

    Os casos omissos ao presente regulamento serão resolvidos pela diretoria da BOLICHE BRASIL.

    Brasília, 27 de setembro de 2019.

    CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE BOLICHE

  • 16-11-2019 - 24-11-2019 Dia Todo

    55.ª Copa Mundial de Boliche QubicaAMF 2018 – (sáb/a/dom) 16 a 24-novembro-2018, Palembang, Sul de Sumatra, Indonésia.

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE