AGENDA BOLICHE

Agenda Boliche: o que vai rolar de boliche no Brasil e no Mundo.

Na data da Agenda Boliche clique sobre o evento para saber mais detalhes.

< 2017 >
Setembro
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
Dom
agosto
agosto
agosto
agosto
1
2
3
4
5
6
7
  • COPA BRASIL DE BOLICHE QUBICAAMF 2017
    Dia Todo
    07-09-2017-09-09-2017

    Av. Industrial, 366-448 – Jardim, Santo André – SP, Brasil

    Av. Industrial, 366-448 – Jardim, Santo André – SP, Brasil

    REGULAMENTO

    da 26.ª Copa Brasil de Boliche QubicaAMF 2017.

    1. FORMATOS E CATEGORIAS:

    1.1 – Individual.

    1.2 – Categorias: Masculino e Feminino.

    1.3 – Aberto a todos os filiados ou não pelo Centro de Boliche, Ligas, Clubes particulares ou Federações.

    1. DOS PARTICIPANTES:

    2.1 – Aberto a todos os adeptos e simpatizantes do esporte Boliche. Qualquer atleta considerado profissional de boliche não poderá concorrer à classificação.

    2.2 – Os vencedores da 26.ª Copa Brasil de Boliche QubicaAMF 2017 devem ter a cidadania brasileira ou se forem estrangeiros, ter a carteira de identidade de estrangeiro com visto de “permanente” no Brasil para participar da 53.ª Copa Mundial QubicaAMF.

    2.3 – Qualquer jogador de Boliche que esteja nas seguintes categorias, ficará impedido de representar o Brasil ou de concorrer à classificatória se for:

    2.4 – Jogador cuja maior parte dos rendimentos seja produto da renda como jogador de boliche de exibição.

    2.5 – Indivíduo que se apresente como jogador profissional de boliche.

    2.6 – Indivíduo que seja empregado primeiramente pela sua habilidade de jogar boliche.

    2.7 – Indivíduo que seja subsidiado ou patrocinado por qualquer fabricante ou distribuidor de produtos de boliche que não seja a QubicaAMF.

    2.8 – Indivíduo que tenha dívida monetária tanto com a QubicaAMF, Pin1 ou com o centro de boliche onde será disputada a eliminatória.

    2.9 – Os organizadores reservam-se no direito de aceitar ou não a concorrência de qualquer um dos inscritos na 26.ª Copa Brasil de Boliche QubicaAMF 2017.

    2.10 – Se por qualquer motivo, algum dos vencedores se enquadrar em algum dos itens acima, este ficará automaticamente desclassificado, classificando-se o seguinte jogador elegível.

    1. DA REALIZAÇÃO DO COPA BRASIL DE BOLICHE QUBICAAMF:

    Evento promovido, realizado e coordenado pela Pin1 Bowling Supply sob a denominação 26.ª Copa Brasil de Boliche QubicaAMF 2017, conjuntamente com o XXXII Campeonato Brasileiro Individual 2017 da Confederação Brasileira de Boliche – CBBOL – Boliche Brasil.

    1. ORGANIZAÇÃO:

    Organizada pela Pin1 Bowling Supply representante brasileira dos suprimentos fornecidos pela empresa QubicaAMF.

    1. DA FORMA DE DISPUTA:

    5.1 – O Evento será disputado em 18 (dezoito) partidas classificatórias, divididas em 3 (três) rodadas, concomitantemente com o 32.º Campeonato Individual Brasileiro de Boliche da Confederação Brasileira de Boliche (Boliche Brasil). Os finalistas serão escolhidos da seguinte forma:

    5.2 – Após a 3.ª rodada, os participantes que totalizarem 18 (dezoito) partidas (ou linhas ou games) serão classificados para as finais os quatro primeiros colocados do all-events geral das divisões Masculina e Feminina.

    5.2.1 – Em caso de empate entre um ou mais dos totais individuais após as 18 (dezoito) linhas da fase classificatória, o critério de desempate será a maior partida até então entre as posições empatadas.

    5.2.1.1 – Se permanecer o empate, será a segunda maior partida entre as posições empatadas, e assim por diante.

    5.2.2 – As finais serão realizadas ao término do segundo turno no sábado, dia 9 de setembro.

    5.2.3 – Será utilizado apenas 1 (um) par de pistas para as finais masculina e feminina.

    > Jogo 1: uma partida do(a) 4.º(ª) colocado(a) contra o(a) 3.º(ª) colocado(a), o(a) qual tem a vantagem do empate;

    > Jogo 2: uma partida do(a) vencedor(a) do Jogo 1 contra o(a) 2.º(ª) colocado(a), o(a) qual tem a vantagem do empate;

    > Jogo 3: uma partida do(a) vencedor(a) do Jogo 2 contra o(a) 1.º(ª) colocado(a), o(a) qual tem a vantagem do empate;

    > Jogo 4: caso o(a) vencedor(a) do Jogo 3 não seja o(a) 1.º(ª) colocado(a) haverá mais uma partida desempate, então o(a) vencedor(a) desse Jogo 4 será o(a) campeão(ã) e ganhará a vaga na Copa Mundial.

    1. DAS FALTAS E ATRASOS:

    Não haverá reposição de partidas nem será considerado o “blind” em nenhuma rodada da competição. Os frames não jogados serão pontuados com zero ponto.

    1. DO LOCAL DO EVENTO:

    A 26.ª Copa Brasil QubicaAMF será realizada nas pistas do Bolix Bowling do Shopping Grand Plaza – Av. Industrial, 600 – Jardim, Santo André, concomitantemente com o XXXII Campeonato Brasileiro Individual.

    1. DAS DATAS E HORÁRIOS:

    8.1 – As 3 (três) rodadas classificatórias serão nos dias 7 (quinta), 8 (sexta) e 9 (sábado) de setembro de 2017;

    8.2 – O 1.º turno tem início às 8h e o 2.º turno tem início previsto as 14h.

    8.3 –  As finais serão no dia 9 (sábado) após o término do segundo turno nessa data.

    1. DAS INSCRIÇÕES:

    9.1 – O valor da inscrição por atleta é de R$ 350,00 (Trezentos e cinquenta reais).

    9.2 – A data limite para a inscrição e pagamento é o dia 11 de agosto de 2017, até às 18h, conforme item 2 do Regulamento do XXXII Campeonato Brasileiro Individual.

    1. DO POSICIONAMENTO NAS PISTAS:

    10.1 – O posicionamento nas pistas será determinado pela Confederação Brasileira de Boliche.

    10.2 – As mudanças de pistas serão conforme determinação da World Bowing.

    1. DA PREMIAÇÃO DA COPA BRASIL DE BOLICHE QUBICAAMF:

    Os campeões após as finais de cada categoria, masculina e feminina, terão direito de representar o Brasil na 53.ª Copa Mundial de Boliche QubicaAMF 2017 de 4 a 12 de novembro de 2017 em Hermosillo, no México.

    Todas as despesas dos dois campeões com transporte aéreo e hospedagem, taxa de inscrição, coquetel de apresentação, Banquete da Vitória, serão por conta da premiação da #36BRqubicaAMF.

    1. UNIFORME NA COPA BRASIL DE BOLICHE QUBICAAMF:

    12.1 – Os participantes amadores e não filiados deverão estar uniformizados com camisas tipo pólo e para aqueles que são filiados a Clubes, Ligas e Federações deverão estar uniformizados com camisas alusivas ao esporte de boliche. Recomenda-se o uso de calça social de cor escura para a divisão masculina. Se tiver algum outro patrocinador, também será permitido o uso do logotipo nas camisas, desde que previamente autorizado pelo comitê organizador.

    12.2 – Na divisão masculina é proibido o uso de calção, bermuda ou assemelhado.

    12.3 – O uso do uniforme é obrigatório a partir da primeira rodada.

    1. BATE BOLA (AQUECIMENTO):

    Haverá um bate-bola (aquecimento) de 10 (dez) minutos no início da competição.

    1. CONDICIONAMENTO DE PISTAS:

    Conforme nova orientação da World Bowling, será utilizado um único condicionamento CURTO no decorrer da competição, a ser definido e divulgado na terça-feira, dia 5 de setembro, até as 22h e disponibilizado para treino a partir do dia 6 de setembro.

    1. PREMIAÇÃO:

    15.1 – O Boliche Brasil e a Pin1 garantem para o campeão e a campeã da 26.ª Copa Brasil de Boliche o custeio dos gastos com 1 (uma) PASSAGEM aérea ida e volta, para cada um, com taxas de embarque (tarifa econômica), limitados à cotação do dólar americano em até R$ 3,40 (três reais e quarenta centavos) na época da aquisição da passagem, e, também, a HOSPEDAGEM com café da manhã no Hotel oficial, escolhido pela Organização da Copa Mundial no período de 4 a 12 de novembro de 2017, TAXA de Inscrição na Copa Mundial, COQUETEL de apresentação, BANQUETE da Vitória e UNIFORME.

    15.2 – Caso o valor arrecadado não seja suficiente para o completo custeio da passagem aérea, então haverá um rateio proporcional ao número de participantes em cada categoria, masculina e feminina.

    15.3 – Em nenhuma hipótese os jogadores premiados poderão trocar de Companhia Aérea ou Hotel, pois os preços das passagens são negociados em pacote incluindo jogadores de outros países.

    15.4 – Toda e qualquer mudança de datas, escalas e rotas, que sejam efetuadas pelos jogadores, desde que não comprometam o acordo com a companhia aérea, correrão por conta e risco dos premiados.

    1. DESPACHO E EXCESSO DE BAGAGEM:

    As despesas com despacho e excesso de bagagem são de responsabilidade e por conta dos jogadores premiados.

    1. UNIFORME NA COPA MUNDIAL DE BOLICHE QUBICAAMF:

    17.1 – Os campeões da Copa Brasil QubicaAMF deverão usar o uniforme cedido pela Organização do evento na 53.ª Copa Mundial de Boliche QubicaAMF.

    17.2 – Caso os campeões tenham um patrocinador, somente poderão incluir o logotipo deste com expressa autorização da PIN 1 Bowling Supply, obedecendo local e tamanho determinado pelo regulamento da 53.ª Copa Mundial de Boliche QubicaAMF.

    17.3 – Caso este patrocínio seja conflitante com a marca QubicaAMF este não poderá ser incluído no uniforme, conforme regulamento da 53.ª Copa Mundial de Boliche QubicaAMF.

    1. DOCUMENTOS DE VIAGEM:

    18.1 – Os jogadores premiados que se classificarem em suas respectivas categorias deverão participar da 53.ª Copa Mundial de Boliche QubicaAMF.

    18.2 – Se os classificados não puderem viajar deverão avisar por escrito ao Comitê Organizador até o dia 14 de setembro de 2017.

    18.3 – É obrigatório, tanto para os campeões, assim como para os classificados até o quarto lugar, em ambos as categorias, ter em ordem seus documentos de viagem, tais como passaportes válidos conforme legislação em vigor. E, da mesma forma, em relação a tramitação e obtenção de VISTOS de viagem.

    18.3.1 – Desde 16 de maio de 2013 os brasileiros não precisam de visto de entrada no México.

    18.4 – A QubicaAMF e seu representante brasileiro a Pin1 Bowling Supply, junto com a Boliche Brasil, poderão colaborar na obtenção dessa documentação, mas as tramitações deverão ser feitas PESSOALMENTE pelos jogadores premiados.

    18.5 – A não obtenção dos documentos ou vistos de viagem em tempo hábil, DESCLASSIFICARÃO automaticamente os escolhidos que não cumprirem essa obrigação, fazendo classificar-se AUTOMATICAMENTE o próximo finalista.

    18.6 – A impossibilidade de não poder usufruir total ou parcialmente de algum dos prêmios não implicará em ressarcimento em dinheiro ou com outros valores por parte do Comitê Organizador, seja a que título for.

    18.7 – Os prêmios são INTRANSFERÍVEIS e não poderão ser convertidos em dinheiro, em nenhuma hipótese.

    1. CASOS OMISSOS:

    Os casos não previstos ou omissos no presente regulamento serão definidos pela Pin1 Bowling Supply, representante brasileiro da QubicaAMF em consonância com os demais organizadores do evento.

    Maiores informações:

    26.ª Copa Brasil de Boliche QubicaAMF

    E-mail: ubirajata.t@gmail.com
    (11) 99973-0492 (Vivo)   –   (11) 98084-0492 (Claro)

8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
  • CAMPEONATO PAULISTA INDIVIDUAL DE BOLICHE – FPBOL
    Dia Todo
    23-09-2017-24-09-2017

    Rod. Pres. Dutra, 650 – Vila Itapegica, Guarulhos – SP, 07034-010, Brasil

    Rod. Pres. Dutra, 650 – Vila Itapegica, Guarulhos – SP, 07034-010, Brasil

    REGULAMENTO

    do 55.º Campeonato Paulista Individual de Boliche – FPBOL

    RESULTADOS NO SITE www.gobowl.com.br

    1. REALIZAÇÃO DO CAMPEONATO

    Evento promovido, realizado e coordenado pela Federação Paulista de Boliche (FPBOL). Aberto a todos os adeptos do esporte Boliche, devidamente filiados ou que venham a filiar-se antes do início do evento. Os resultados obtidos no evento serão computados no Ranking Paulista de 2017.

    2. LOCAL DO EVENTO:

    BOLIX – Shopping Internacional de Guarulhos – Rodovia Presidente Dutra, KM 225.

    3. DATAS E HORÁRIOS:

    • Datas: dias 23/09, 24/09, 30/09 e 01/10

    • Horário: 8:30 horas

    3.1. Dependendo do número de inscritos poderá haver segundo turno, com inicio previsto para as 13h30min.

    4. INSCRIÇÕES:

    4.1. As inscrições deverão ser realizadas até as 22h do dia 16 de setembro de 2017, por e-mail para presidencia@fpbol.org.br com cópias obrigatórias para financeiro@fpbol.org.br e tecnico@fpbol.org.br .

    4.2. Taxa de inscrição – R$ 320,00. (Trezentos e vinte reais)

    4.3. Anuidade FPBOL – R$150,00 (cento e cinquenta reais) – para os atletas que ainda não tenham participado de evento em 2017 ou 2º parcela da semestralidade R$75,00 (setenta e cinco reais) – para atletas que ainda não tenham participado de evento no segundo semestre.

    4.3.1. Anuidade CBBOL – R$50,00 (cinquenta reais) – para os atletas que ainda não tenham participado de evento em 2017.

    4.4. Os pagamentos deverão ser por meio de depósito bancário até o dia 16 de setembro de 2017:

    BRADESCO – agência 0197 – c/c 86.505-2
    FEDERAÇÃO PAULISTA DE BOLICHE
    CNPJ n° 58.495.383/0001-04

    4.5. Os comprovantes de depósitos deverão ser enviados nos e-mails informados no item 4.1. No caso de não haver confirmação do pagamento da inscrição, a inscrição será cancelada.

    4.6. Não será permitida a inscrição de atletas inadimplentes ou ainda com pendências financeiras junto a FPBOL, enquanto a pendência não for regularizada.

    5. FORMATO E FORMA DE DISPUTA:

    5.1. O evento será disputa em 24 (vinte e quatro) partidas, distribuídas em 4 (quatro) rodadas de 6 (seis) partidas cada, disputadas no formato ROUND ROBIN (20 pontos por vitória e 10 pontos por empate).

    5.2. A 1º divisão masculina será composta dos 24 atletas melhores classificados no Ranking Seletivo Paulista e a 1º divisão feminina será composta pelas 12 melhores colocadas Ranking Seletivo Paulista, não haverá vaga técnica para nenhuma divisão (decidido em AGE – 08/11/2016).

    5.2.1. Os resultados obtidos pelos atletas da 1º divisão, serão classificatórios para a formação das seleções masculinas paulistas A e B e seleção feminina paulista. Seguindo o regulamento geral, os campeões terão vaga assegurada na seleção e demais atletas, de acordo com a classificação obtida no ranking, após o término da ultima rodada.

    5.3. As demais divisões serão distribuídas de acordo com o número de inscritos. Caso ocorra de alguma divisão restar com quantidade de atletas que inviabilize a disputa no formato Round Robin, nesse caso, a divisão passará a ser disputada exclusivamente por pinos derrubados e All Events.

    5.4. Haverá uma divisão juvenil para atletas até 16 anos onde o valor da inscrição será no máximo R$220,00 por atleta (ainda estamos em negociação para diminuir este valor).

    6. POSICIONAMENTO E MUDANÇA DE PISTA

    6.1. A ordem de posicionamento dos atletas será em função da classificação do atleta no ultimo ranking seletivo divulgado, antes do inicio do evento.

    6.2. A mudança de pista será partida a partida, podendo ser aleatória e haver repetição de pista por se tratar de uma disputa Round Robin.

    6.3. Caso ocorra alguma divisão não ser formato Round Robin a mudança de pista será para direita.

    7. FINAIS

    7.1. Ao final das 24 (vinte e quatro partidas), os (as) classificados (as) em 2º e 3º lugar disputarão as semifinais, sendo que o(a) 2º lugar terá a vantagem do empate.

    7.2. O(A) vencedor(a) da semi final disputará a FINAL com o(a) 1º lugar, sendo que o(a) 1º lugar possui a vantagem do empate e também precisa perder duas partidas para que o(a) vencedor(a) da semi final se torne o campeão.

    8. DA PREMIAÇÃO DO CAMPEONATO

    8.1. Medalhas aos atletas classificados até a 3ª. posição no all events individual de cada divisão.

    8.2. Medalhas aos atletas que fizeram a maior partida e maior série de cada divisão.

    8.3. Após a disputa das finais, os vencedores serão consagrados com troféus de campeão paulista individual 2017 em suas respectivas divisões, os 2º e 3º receberão medalhas.

    9. CLASSIFICAÇÃO DA SELEÇÃO PAULISTA

    9.1. A seleção paulista masculina time A será composta pelo campeão paulista individual, os cinco melhores classificados no ranking seletivo, ao final das 24 (vinte e quatro) partidas, existindo a possibilidade da indicação de uma vaga técnica pelo diretor técnico e a mesma será votada/aprovada entre os clubes e FPBOL.

    9.2. A seleção paulista masculina time B será composta pelos seis próximos classificados pelo ranking seletivo após o termino das 24 (vinte e quatro) partidas.

    9.3. A seleção paulista feminina time A será composta pela campeã paulista individual, as cinco melhores classificadas no ranking seletivo, ao final das 24 (vinte e quatro) partidas, existindo a possibilidade da indicação de uma vaga técnica pelo diretor técnico e a mesma será votada/aprovada entre os clubes e FPBOL.

    10. DA DISCIPLINA E REGRAS DE DISPUTA

    10.1. DOS ATRASOS/FALTAS DOS ATLETAS

    10.1.1. Segundo normas da W.T.B.A., qualquer jogador que chegar atrasado, poderá iniciar sua participação no par de pistas designado, respeitando o frame e ordem de jogo de suas respectivas pistas, computando-se “zero” para os frames completados;

    10.1.2. Não será aplicado “BLIND”.

    10.1.3. Para efeito de all events, serão computadas somente as partidas efetivamente jogadas e a classificação será observada pelo total de pinos derrubados.

    10.1.4. Para efeito de Ranking, os atletas terão seus resultados computados, desde que disputem o mínimo de 20 (vinte) linhas completas.

    10.2. RITMO DE JOGO

    A FPBOL se reserva o direito de aplicar regras próprias para o evento, em razão do n° de participantes e adequação de cumprimento das exigências da casa comercial quanto o horário de liberação de pistas.

    10.3. JOGO LENTO

    Os atletas deverão respeitar, ao posicionar-se para execução do arremesso, uma pista à sua direita e uma pista à sua esquerda. Competidores do mesmo par de pistas não deverão fazer arremessos consecutivos, sem permitir que os jogadores da pista à esquerda e a direita, façam seus lançamentos, ressalvada a hipótese que não estejam prontos para seus respectivos arremessos.

    10.3.2. Será considerado JOGO LENTO, no caso de que qualquer jogador(es) em seu(s) respectivo(s) par(es) de pista(s), estejam mais de 2(dois) frames atrasados em relação aos demais competidores, excluídos os pares de pistas localizadas nas extremidades. (ex. 1-2 e 23/24).

    10.3.3. Havendo constatação de JOGO LENTO, o(s) atleta(s) serão advertidos por pessoa autorizada pela FPBOL, respeitado o limite de duas advertências no evento. Havendo 3ª. constatação de JOGO LENTO, será computado “zero” no frame, ao(s) atleta(s) advertido(s).

    10.4. FUMO – BEBIDAS E ALIMENTOS

    Não será permitido fumar nas dependências das casas comerciais, apenas em áreas reservadas para tal fim, DESDE QUE NÃO ATRASE O RITMO DE JOGO.

    10.4.1 – Não será permitido consumir bebidas alcóolicas durante o jogo, Após o encerramento de seus turnos, a liberalidade do consumo de bebidas alcóolicas será respeitada, desde que o(s) atleta(s) não esteja(m) trajado(s) com uniforme(s)/camiseta(s) alusiva(s) ao esporte.

    10.4.2. O consumo de demais Bebidas e ALIMENTOS, será permitido FORA DA ÁREA DE JOGO, devendo os atletas, utilizarem-se dos balcões localizados fora da área de competição.

    10.5. DA ALTERAÇÃO DE SUPERFÍCIE- APPROACH – SAPATOS

    Deverão ser observadas as regras WTBA, quanto ao uso de substâncias químicas.

    No intervalo entre partidas, poderá ser alterada a superfície das bolas, antes do primeiro arremesso do atleta, e jamais na área de jogo, observando que as bolas deverão ser limpadas após qualquer alteração de sua superfície.

    10.5.1. Não será permitido o uso de talcos ou quaisquer produtos no APPROACH, tampouco nos sapatos dos competidores.

    10.6. DAS REGRAS GERAIS

    Os atletas deverão estar utilizando camisas/camsietas alusivas ao esporte boliche.

    10.6.1. É permitido o uso de bermudas.

    10.6.1.1 Caso seja constatado descumprimento aos itens 10.5 , após o início da disputa, o atleta terá zerado seus resultados das partidas jogadas.

    10.6.1.2. Caso seja constatado descumprimento as regras previstas nos itens 10.5, antes do início da disputa, o atleta não participará do turno ou partidas, até que esteja vestido adequadamente.

    11. BATE BOLA (AQUECIMENTO):

    Somente haverá “bate bola” para aquecimento, no inicio de cada série (10 minutos).

    12. CONDICIONAMENTO DE PISTAS:

    12.1 – Será utilizado um dos 3 (três) patterns abaixo:

    – WB Rome 41’ 2017

    – WB Tokyo 42’ 2017

    – WB Mexico City 43’ 2017

    O sorteio será realizado até dia 16 de setembro de 2017.

    13. DA ORGANIZAÇÃO:

    É de responsabilidade da FPBOL a organização do evento.

    13.1. Todos os resultados serão computados após o término da linha, devendo ser conferidos pelos atletas, ANTES DA ENTREGA das súmulas respectivas. Havendo quaisquer anotações equivocadas, deverão solicitar a atleta de qualquer dupla adversária, para que viste eventuais correções e/ou rasuras em suas anotações.

    13.2. Todos os esclarecimentos, reclamações e solicitações dos atletas deverão ser encaminhadas por intermédio de um Dirigente ou Representante de seu Clube.

    14. DISPOSIÇÕES FINAIS:

    Este regulamento é válido apenas para o Campeonato Paulista Individual 2017 Aos casos omissos no presente Regulamento serão aplicadas as Regras desportivas pertinentes (FIQ, WTBA, NORMABOL), ou quaisquer outras previstas para a prática desportiva BOLICHE.

    ROSELI SANTOS – Presidente

    FELIPH ROSA – Diretor Técnico

24
25
26
27
28
29
30
outubro

COPA MUNDIAL DE BOLICHE QUBICAAMF

QubicaAMF Worldwide é a fundadora, organizadora e principal patrocinadora da Copa Mundial de Boliche (QubicaAMF Bowling World Cup).

Informações sobre o QubicaAMF Bowling World Cup, incluindo arquivos e boletins podem ser encontrados no site www.qubicaamf.com

A QubicaAMF Worldwide é uma das maiores empresas de boliche no mundo, com sede mundial em Richmond, no Estado de Virginia, Estados Unidos.

A sede européia da QubicaAMF Worldwide está localizada em Bolonha, Itália.

A QubicaAMF fabrica uma linha completa de alta qualidade, soluções inovadoras para os novos e também para os já existentes centros de Entretenimento & Boliche.

O maior evento esportivo do mundo

A Copa Qubica AMF é o maior evento esportivo mundial do ano, em termos de número de países participantes, os quais jogam simultaneamente durante a competição.

A primeira Copa Mundial aconteceu em Dublin, Irlanda do Norte, em 1965., então denominada International Masters Championship.

O nome foi alterado para AMF World Cup em 1969.

Em 2005, com a associação da Qubica à AMF, nova mudança para QubicaAMF Bowling World Cup, que permanece até hoje.

Individualmente o maior vencedor é o canhoto filipino Paeng Nepomuceno que ganhou em 1976, 1980, 1992 e 1996.

Paeng também é o que fez mais finais até hoje: 9 vezes. Suas conquistas estão registradas no Guinness – Livro dos Recordes Mundiais.

O primeiro 300 masculino foi em 1994, em Hermosillo (México) e o segundo em 1995 em São Paulo (Brasil), ambos feitos pelo canadense Jack Guay.

O primeiro 300 feminino aconteceu em 1997 (Cairo, Egito) com a malaia Shalin Zulkifli.

A história de todas as edições da Copa Mundial de Boliche, desde 1965, estão no site oficial da QubicaAMF (clique aqui).